Bolsas

Câmbio

Superávit do comércio agroalimentar na América Latina caiu 3,6 % em 2015

Santiago do Chile, 9 mai (EFE).- O comércio agroalimentar da América Latina teve um superávit de US$ 127,6 bilhões em 2015, o que representa uma queda de 3,6% em relação ao ano anterior, informou nesta segunda-feira a Organização da ONU para a Agricultura e a Alimentação (FAO) em comunicado divulgado em Santiago.

Segundo dados da FAO, as exportações do agronegócio da região foram de cerca de US$ 199 bilhões, um valor 7,5% do que o de 2014. Já as importações chegaram a US$ 71,4 milhões, uma queda de 13,6% em relação ao ano anterior.

O órgão das Nações Unidas destacou o fato de a América Latinha ter mantido um saldo positivo no setor, apesar de ressaltar que o superávit caiu em 2015 pelo segundo ano consecutivo.

"Isso mostra a queda dos preços dos produtos básicos que a região exporta, além de uma menor demanda pelos produtos exportados, o que afeta especialmente os países da América do Sul", diz o relatório.

Argentina e Brasil, que concentram mais da metade das exportações de produtos agroalimentares da região, registraram uma redução de 8% e 10%, respectivamente, em seus embarques em 2015.

Por outro lado, o México, terceiro maior exportador da região, e vários países da América Central venderam mais ao exterior no ano passado do que em 2014.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos