Bolsas

Câmbio

Suzuki revelará dados sobre manipulação de dados de consumo

Tóquio, 18 mai (EFE).- A fabricante japonesa Suzuki apresentará nesta quarta-feira às autoridades do Japão informações relativas a um suposto uso irregular do sistema de medição de consumo de combustível de seus veículos, informou a imprensa local.

O presidente da companhia, Osamu Suzuki, detalhará hoje o relatório ao Ministério dos Transportes do Japão e oferecerá uma entrevista coletiva junto a outros dois integrantes do alto escalão da empresa às 16h locais (4h de Brasília), confirmou à Agência Efe um porta-voz da Suzuki.

O segundo maior fabricante japonês de miniveículos e um dos maiores produtores mundiais de motocicletas detectou irregularidades nos testes realizados para avaliar a eficiência energética de seus veículos, assinalaram à agência japonesa "Kyodo" fontes próximas ao caso.

A notícia chega depois que a também japonesa Mitsubishi admitiu em abril que tinha manipulado os dados de consumo de combustível de pelo menos 625 mil unidades vendidas no Japão de quatro modelos de miniveículos, que possuem motores inferiores a 660 centímetros cúbicos, o que gerou um enorme escândalo.

No decorrer das investigações, a Mitsubishi reconheceu que tinha utilizado métodos de medição de consumo que não eram compatíveis com os regulamentos determinados pela legislação japonesa durante 25 anos.

No entanto, as irregularidades detectadas pela Suzuki não incluem uma manipulação de dados como ocorreu com a Mitsubishi, segundo as fontes citadas.

Por causa do escândalo da Mitsubishi, o Ministério dos Transportes do Japão solicitou a todos os fabricantes nacionais de veículos que realizassem investigações internas para detectar possíveis casos similares.

Após a notícia de que Suzuki apresentaria hoje um relatório sobre essas supostas irregularidades, a empresa registrou forte queda na Bolsa de Tóquio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos