Bolsas

Câmbio

Dow Jones fecha em baixa de 0,45%

Nova York, 16 ago (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta terça-feira em baixa de 0,45%, um dia depois que seus três índices de referência fecharam com recordes históricos.

Ao final do pregão, o principal indicador da Bolsa de Nova York perdeu 84,03 pontos, para 18.552,02. Já o seletivo S&P 500 caiu 0,55%, até 2.178,15, enquanto o índice composto da Nasdaq recuou 0,66%, aos 5.277.

Desde os primeiros compassos da jornada os operadores do pregão nova-iorquino apostaram nas vendas de forma moderada, um dia depois dos níveis máximos alcançados ontem pelos três indicadores.

Em segundo plano ficou um dado melhor do que o esperado sobre o setor imobiliário nos Estados Unidos, após a divulgação de que o ritmo de construção de casas novas cresceu 2,1% em julho para situar-se em uma taxa anual de 1,21 milhão de unidades.

A boa fase desse setor impulsionou os resultados financeiros da rede de lojas Home Depot, que no segundo trimestre lucrou 9,3% mais e suas vendas aumentaram 6,6%, embora no final suas ações tenham caído hoje 0,61%.

Quase todos os setores em Wall Street fecharam com perdas, como o de telecomunicações (-1,03%), o tecnológico (-0,51%), o industrial (-0,45%), o financeiro (-0,33%) e o de matérias-primas (-0,01%), enquanto apenas o energético registrou alta, de 0,4%.

A Johnson & Johnson (-1,62%) puxou as perdas no Dow Jones, seguida por Verizon (-1,59%), Travelers (-1,16%), Coca-Cola (-0,93%), Pfizer (-0,91%), Dupont (-0,89%), IBM (-0,73%), 3M (-0,73%), Home Depot (-0,61%) e Walmart (-0,59%).

Do outro lado, as altas foram puxadas pela Intel (0,86%), na frente de Boeing (0,25%), Nike (0,19%), Caterpillar (0,17%), Exxon Mobil (0,13%) e Goldman Sachs (0,06%).

Em outros mercados, a onça do ouro subia para US$ 1.351,2, enquanto a rentabilidade da dívida pública a dez avançava até 1,576%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos