Bolsas

Câmbio

Hungria ordena que aves se alimentem em locais fechados por gripe aviária

Budapeste, 10 nov (EFE).- O Escritório Nacional de Segurança Alimentar da Hungria determinou nesta quinta-feira que todas as aves de todas as fazendas do país sejam alimentadas em lugares fechados, como medida de precaução. por conta dos vários casos de gripe aviária detectados no país.

De acordo com o organismo, a alimentação das aves deve ser feita desse modo e o dono dos animais deve se certificar de que outros bichos não tenham acesso ao local.

Na semana passada, as autoridades húngaras sacrificaram 9 mil perus no região sudeste do país depois da gripe aviária do tipo H5N8 ser detectado. Ontem, outro foco da gripe foi descoberto no centro do país, dessa vez em uma fazenda de criação de patos.

Os casos levaram às autoridades a tomar mais medidas de prevenção. Uma delas é a criação de "áreas de acompanhamento" em um raio de 10 quilômetros a partir da zona afetada.

Nos últimos dias, vários países europeus, como Alemanha, Suíça e Áustria, notificaram casos de gripe aviária em aves silvestres.

Depois que ser detectada na semana passada, vários países proibiram a importação da carne de aves húngaras, entre eles Canadá, Sérvia, Israel, Japão e Hong Kong.

Segundo as autoridades húngaras, por enquanto, o tipo H5N8 não contagiou humanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos