Bolsas

Câmbio

Dow Jones chega ao 9º recorde seguido, mas S&P 500 e Nasdaq fecham em baixa

Nova York, 22 fev (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quarta-feira em alta de 0,16%, alcançando seu nono recorde histórico consecutivo, enquanto o seletivo S&P 500 e o índice composto do mercado Nasdaq fecharam em baixa.

Ao final do pregão, o principal indicador da Bolsa de Nova York somou 32,60 pontos e fechou aos 20.775,60. Já o S&P 500 caiu 0,11%, até 2.362,82, enquanto o Nasdaq recuou 0,09%, para 5.860,63 pontos.

Os operadores do pregão nova-iorquino terminaram o dia divididos entre os avanços e os retrocessos após uma jornada na qual os olhares estiveram postos na publicação das atas da última reunião do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos).

Segundo essas atas, a maioria dos membros do Fed considera que a próxima alta das taxas de juros nos EUA acontecerá "bastante em breve" se a melhora econômica continuar, tanto no mercado de trabalho como na inflação.

Desde dezembro do ano passado, as taxas de juros se encontram entre 0,5% e 0,75% e a próxima reunião sobre política monetária do banco presidido por Janet Yellen está marcada para os dias 14 e 15 de março.

Os setores em Wall Street fecharam divididos entre os números vermelhos do energético (-1,46%), do de matérias-primas (-0,81%) e do financeiro (-0,04%), e os avanços do de telecomunicações (0,11%) e do industrial (0,01%).

A química Dupont (3,39%) liderou os lucros no Dow Jones, na frente de Nike (1,53%), 3M (1,46%), IBM (0,49%), Verizon (0,49%), Coca-Cola (0,34%), Wal-Mart (0,34%), Apple (0,3%), Travelers (0,29%) e Home Depot (0,16%).

Do outro lado, a Intel (-1,23%) puxou as perdas, seguida por Chevron (-1,2%), Exxon Mobil (-1,16%), General Electric (-0,62%), Merck (-0,29%), Procter & Gamble (-0,25%), Microsoft (-0,2%) e McDonald's (-0,15%).

Em outros mercados, a onça do ouro subiu para US$ 1.239,7, enquanto a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com prazo de dez anos avançava até 2,410%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos