Barril do Texas fecha em baixa de 1,96%

Nova York, 10 ago (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou em baixa de 1,96% nesta quinta-feira, cotado a US$ 48,59 o barril, após a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) ter anunciado uma alta de produção em julho, apesar do acordo para diminuir as extrações.

Ao final do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em setembro caíram US$ 0,97 em relação ao fechamento de ontem.

As cotações sofreram uma forte queda por uma combinação de fatores. A petroleira russa Gazprom Neft está considerando reiniciar a produção em alguns campos quando chegar ao fim, em março de 2018, o acordo de corte de extração firmado com os países da Opep.

A própria Opep, no entanto, não está conseguindo cumprir o pacto. A produção de petróleo do grupo cresceu em 173 mil barris por dia em julho, chegando a 32,8 milhões diários.

Por outro lado, os contratos de gasolina para entrega em setembro caíram US$ 0,02, para US$ 1,60 o galão, enquanto os de gás natural com vencimento em setembro subiram US$ 0,10, para US$ 2,98 por cada mil pés cúbicos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos