Maior dispensário de maconha do mundo inova ao inaugurar drive-thru

Adriana Arévalo.

Las Vegas (EUA), 19 nov (EFE).- Da mesma forma que os restaurantes de fast-food, o maior dispensário de maconha do mundo oferece em Las Vegas um drive-thru no qual as batatas-fritas, os refrigerantes e os hambúrgueres podem ser trocados por derivados da planta.

É o que os clientes do Nuwu Cannabis Marketplace podem fazer: realizar pedidos de produtos do carro e com a promessa de que a transação não irá demorar mais de que um minuto no guichê.

"Fizemos isso pensando principalmente em nossos clientes com incapacidade. Queremos que tenham uma experiência simples, que seja fácil buscar o que desejam, sejam produtos medicinais ou recreativos", disse à Agência Efe Benny Tso, presidente da tribo Paiute de Las Vegas.

O maior dispensário de maconha do mundo, situado perto do centro da cidade, em uma zona de fácil acesso tanto para turistas como para locais, pertence à tribo Paiute, reconhecida legalmente como uma nação soberana dentro dos Estados Unidos.

Até pouco tempo atrás, os Paiutes eram conhecidos no âmbito dos negócios como os proprietários da maior loja de varejo de cigarros dos Estados Unidos.

Seguindo o exemplo, abriram esta nova loja depois que Nevada se transformou em julho no sétimo estado do país, além do distrito de Columbia, a legalizar a maconha para fins recreativos.

Mas decidiram apostar em um conceito inovador, o primeiro guichê de drive-thru neste tipo de comércio e similar ao dos restaurantes típicos de fast-food, embora o pedido seja realizado antecipadamente pela internet.

O Nuwu abre os sete dias da semana e durante 16 horas e dentro de seus 1cerca de 1,5 mil metros quadrados, decorados de maneira simplista e moderna, o dispensário oferece prateleiras que contêm, segundo seus proprietários, a maior quantidade de opções de maconha recreativa da denominada "Cidade do Pecado".

"Temos mais de 500 produtos de todos os tipos. Há comidas, bebidas, loções, além dos produtos que podem ser usados medicinalmente e recreativamente", explicou Tso.

O guichê, feito de vidro blindado, chegou procedente do estado de Washington, onde era utilizado em um banco. Está rodeado de câmeras de segurança, da mesma forma que todo o edifício e seu perímetro, e conta com funcionários treinados especialmente para esta tarefa.

"Se os funcionários têm experiência neste tipo de mercado e serviço, melhor, mas, se não, damos um treinamento. Nossa ideia é gerar empregos nesta área da cidade e contar com contratados provenientes de restaurantes de fast-food", disse Tso.

Neste momento, Tso calcula que o guichê, que acaba de ser inaugurado, recebe uma média de 15 clientes por dia, mas espera que esse número aumente para entre 40 e 50 agora que estão chegando as festas de fim de ano.

Uma das clientes, que disse se chamar Vanessa, chegou para conhecer o dispensário e assegurou que a comodidade e privacidade do guichê são motivos para retornar.

"Adorei. Definitivamente é um lugar onde se encontra o que se está buscando sem sentir pressão ou nada parecido", comentou.

Entre as ofertas há inclusive uma seção dedicada a produtos para cachorros que prometem ajudar a resolver problemas como coceira e até o excesso de latidos.

"Não testei com meu cachorro, mas sei que há várias opções. Se há opções para os que buscam a erva medicinal ou erva recreativa, por que não oferecer também para os animais da casa? É preciso pensar em todos", destacou Tso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos