PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

China anuncia maior redução de preço de combustíveis em quase quatro anos

17/11/2018 06h12

Pequim, 17 nov (EFE).- A China efetuará o maior corte nos preços da gasolina e do diesel em quase quatro anos após a queda dos preços internacionais do petróleo, informou neste sábado a agência estatal "Xinhua".

O preço da gasolina diminuirá em 510 iuanes (US$ 73,5) por tonelada, enquanto o do gasóleo cairá 490 iuanes (US$ 70,6), segundo o plano tornado público ontem à noite pela Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (CNDR), o principal órgão de planejamento econômico do país asiático.

O atual sistema chinês estabelece que, se o valor internacional do petróleo registrar oscilações de mais de 50 iuanes (US$ 7,2) e se mantiver nesse nível durante dez dias úteis, os preços dos produtos de petróleo refinado devem ajustar-se a esses níveis.

As autoridades exigiram das principais petrolíferas do país - entre as quais figuram companhias do tamanho de PetroChina, Sinopec e CNOOC - que garantam a estabilidade do fornecimento e que implementem estes preços.

Nesse sentido, a CNDR indicou que seguirá mais de perto os efeitos do atual mecanismo de estabelecimento de preços para melhorar a resposta às oscilações globais.