PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Dow Jones fecha baixa de 2,02%

14/12/2018 20h21

Nova York, 14 dez (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta sexta-feira em baixa de 2,02%, em meio ao receio de uma desaceleração do crescimento econômico em nível mundial.

O principal indicador da Bolsa de Nova York perdeu 496,43 pontos e chegou a 24.100,95, o nível mais baixo desde maio. O seletivo S&P 500 caiu 1,91%, para 2.599,95, e o índice composto da Nasdaq recuou 2,26%, até 6.910,67.

O pregão nova-iorquino ficou vermelho desde os primeiros momentos, com os investidores preocupados com os dados econômicos divulgados na China e na zona do euro. Tudo se uniu à recente volatilidade pela guerra comercial entre Washington e Pequim, que continua pesando para os investidores.

Também não colaborou o fato de ser sexta-feira, dia em que ultimamente os investidores têm apostado nas vendas para evitarem que as notícias do fim de semana impactem os investimentos.

Todos os setores terminaram o dia no vermelho, com o de saúde (-3,37%), o tecnológico (-2,48%) e o de energia (-2,38%) no topo dos piores resultados.

Entre as 30 empresas do Dow Jones, o maior retrocesso do grupo Johnson & Johnson, que desabou 10,13% após ser divulgado que a empresa soube durante décadas que o seu talco para bebês continha amianto, o que o grupo negou.

Também sofreram fortes perdas Walgreens Boots (-4,35%), Cisco Systems (-3,48%), Apple (-3,20%) e Microsoft (-3,13%). As únicas empresas do Dow Jones registraram altas Caterpillar (0,73%), Procter & Gamble (0,17%) e Verizon (0,02%).

No horário de fechamento da bolsa, a onça do ouro caía para US$ 1.242,40, e o rendimento dos títulos do tesouro americano com vencimento em 10 anos recuava 2,89%.