PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Dow Jones fecha em baixa de 0,41%

14/02/2019 20h01

Nova York, 14 fev (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quinta-feira em baixa de 0,41%, afetado por fracos dados de vendas do comércio no varejo e o aumento de pedidos de seguro desemprego em janeiro nos Estados Unidos.

O principal indicador da Bolsa de Nova York perdeu 103,88 pontos e chegou a 25.439,39. Já o seletivo S&P 500 caiu 0,27%, para 2.745,73, enquanto o índice composto da Nasdaq subiu 0,09% e fechou aos 7.426,95 pontos.

Por setores, as maiores perdas foram para o dos bens essenciais (-1,22%) e o financeiro (-1,16%), seguido pelo industrial (-0,59%) e o de materiais básicos (-0,55%). O que mais progrediu foi o imobiliário (0,45%).

Wall Street pôs fim nesta quinta-feira a uma sequência positiva impulsionada pela esperança quanto a EUA e China chegarem a um pacto comercial que evite uma alta adicional das tarifas sobre as importações chinesas a partir do início de janeiro.

O pregão nova-iorquino foi afetado pelas fracas vendas do comércio no varejo nos EUA: queda de 1,2% em dezembro, a maior baixa mensal desde 2009, segundo o Departamento de Comércio.

Também não foram bem recebidos os novos números sobre o mercado de trabalho, já que na última semana os pedidos seguro desemprego aumentaram em 4 mil, e a média de quatro semanas chegou ao nível mais alto desde janeiro de 2018.

No grupo de 30 títulos que cotam no Dow Jones, a Coca-Cola sofreu uma queda de 8,44%, após apresentar seus resultados trimestrais, já que os investidores temem que seu lucro caia este ano, apesar de ter quintuplicado em 2018.

Tiveram baixas mais moderadas a 3M (-1,61%), Goldman Sachs (-1,11%), DowDuPont (-0,90%), Travelers (-0,87%) e American Express (-0,87%).

Os maiores progressos foram registrados por Cisco (1,89%), que divulgou os seus resultados nesta quarta-feira, McDonald's (0,99%) ou Intel (0,67%).

No Nasdaq, a Amazon perdeu 1,06% do seu valor após decidir desistir de seu plano de abrir uma nova sede em Nova York, diante da oposição de ativistas e políticos locais.

Em outros mercados, a onça do ouro subia para US$ 1.315,40, enquanto a rentabilidade do bônus do Tesouro a dez anos caía até 2,654%. EFE