PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Dow Jones fecha em baixa de 0,78%

07/03/2019 19h00

Nova York, 7 mar (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quinta-feira em baixa de 0,78%, depois que o Banco Central Europeu (BCE) diminuiu a previsão de crescimento para 2019 e anunciou medidas de estímulo.

O principal indicador da Bolsa de Nova York perdeu 200,23 pontos e chegou a 25.473,23. Já o índice S&P 500 caiu 0,81%, até 2.748,93, enquanto o índice composto da Nasdaq recuou 1,13%, para 7.421,46 pontos.

Quase todos os setores terminaram o dia com números vermelhos, sendo os mais prejudicados o de bens de consumo não essencial (-1,37%), o financeiro (-1,06%), o tecnológico (-0,92%), o de matérias-primas (-0,89%) e o de comunicações (-0,81%).

O único setor que conseguiu fechar em terreno positivo foi o de serviços públicos, que avançou 0,26%.

Wall Street encadeia assim quatro dias de perdas, o que representa uma mostra dos crescentes temores de uma nova recessão econômica, algo que já foi confirmando ontem pelo Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) em seu relatório conhecido como "Livro Bege".

O banco central americano culpou por esse cenário o fechamento parcial do governo federal no início de ano, a fraqueza da demanda global e os maiores custos devidos às tarifas impostas pelo presidente Donald Trump.

Hoje, o BCE uniu-se ao pessimismo generalizado que vive o mercado ao anunciar um corte na previsão da expansão da economia da zona do euro em 2019, do 1,7% que tinha publicado em dezembro para 1,1% agora.

Além disso, a entidade informou de novas medidas de estímulo, entre elas um programa para conceder empréstimos de juros baixos a bancos europeus com o objetivo de facilitar a concessão de créditos aos cidadãos.

Entre as 30 empresas que cotam no Dow Jones, as baixas foram puxadas pela Walgreens Boots (-2,14%), seguida à certa distância por Caterpillar (-1,51%), 3M (-1,45%), Chevron (-1,29%), Microsoft (-1,22%), International Bussines Machines (-1,18%) e Apple (-1,16%).

Por outro lado, apenas quatro companhias fecharam em alta, lideradas pela Verizon e pela Exxon Mobil, ambas com um progresso de 1,11%, na frente de Nike (0,15%) e DowDuPont (0,09%).

Em outros mercados, a onça do ouro caía para US$ 1.286,20, enquanto a rentabilidade do bônus do Tesouro a 10 anos recuava até 2,641%. EFE