PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Caixas-pretas do avião da Ethiopian Airlines serão analisadas na França

13/03/2019 18h22

Paris, 13 mar (EFE).- As duas caixas-pretas do avião boeing 737 MAX 8 da Ethiopian Airlines que caiu no domingo passado perto de Adís Abeba, matando seus 157 ocupantes, serão analisadas na França, informou nesta quarta-feira o BEA, organismo francês de investigação de acidentes aéreos.

O BEA indicou no Twitter que as autoridades etíopes solicitaram sua ajuda para examinar esses aparatos que registram a atividade dos instrumentos do avião e as conversas dos tripulantes.

"Toda comunicação sobre os avanços da investigação corresponde a essas autoridades", acrescentou o organismo francês, do qual um porta-voz detalhou à Agência Efe que as duas caixas-pretas serão levadas nesta quinta-feira à França.

O responsável de relações públicas da Ethiopian Airlines, Biniyam Demsie, tinha antecipado hoje mais cedo que as caixas-pretas seriam enviadas ao exterior porque a Etiópia não tem as capacidades técnicas nem experiência na matéria.

Essas caixas-pretas podem ser cruciais para esclarecer a causa do acidente do Boeing 737 MAX 8 que caiu poucos minutos depois de decolar do aeroporto internacional de Adis Abeba, em direção a Nairóbi.

A tragédia fez com que vários países proibissem esta semana o uso dos Boeing 737 MAX 8 em seu espaço aéreo devido às dúvidas que surgiram sobre sua segurança.

O acidente ocorreu depois que, em outubro de 2018, outro Boeing 737 MAX 8 da companhia Lion Air caiu na Indonésia 12 minutos depois de decolar, devido a falhas no sistema automático, causando a morte de 189 pessoas. EFE