PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Boeing diz que está perto de finalizar atualização do software do 737 MAX

17/03/2019 19h35

Nova York, 17 mar (EFE).- A Boeing afirmou neste domingo que está perto de concluir a atualização do software do avião 737 MAX 8 para corrigir os erros no sistema de controle automático de voo.

"Enquanto os investigadores seguem trabalhando para chegar a conclusões definitivas, a Boeing está finalizando o desenvolvimento da atualização de software previamente anunciada", afirmou em comunicado o executivo-chefe da empresa, Dennis Muilenburg.

O texto indica que as medidas respondem à "contribuição errônea dos sensores" ao comportamento do sistema de controle de voo MCAS.

Além disso, a Boeing afirmou que a segurança é a maior prioridade da empresa no design, fabricação e assistência nos aviões. E ressaltou que, depois de qualquer acidente, realiza um exame no projeto e nas operações dos modelos.

"Quando apropriado, introduzimos mudanças para melhorar a segurança ainda mais", disse a empresa na nota.

A fabricante afirmou, além disso, que segue colaborando com o Conselho Nacional de Segurança de Transporte dos EUA, o órgão americano que está trabalhando com o governo da Etiópia.

O comunicado da Boeing foi publicado horas depois de a ministra de Transporte da Etiópia, Dagmawit Moges, ter sugerido em entrevista que a causa do acidente com o 737 MAX 8 da Ethiopian Airlines na semana passada foi um problema técnico.

Moges afirmou que a análise preliminar das caixas-pretas do avião que caiu no país, deixando 157 mortos, mostra "claras semelhanças" com as informações coletadas dos equipamentos retirados do avião da Lion Air que sofreu um acidente em outubro, na Indonésia.

Segundo o jornal "The New York Times", que o piloto do avião da Ethiopian Airlines que caiu comunicou estar com problemas no "controle de voo" após a decolagem e pediu ao aeroporto de Adis Abeba uma pista para aterrissar a aeronave. EFE