PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Dow Jones fecha praticamente estável

25/03/2019 20h04

Nova York, 25 mar (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta segunda-feira em leve alta de 0,06%, em um pregão marcado pela preocupação de investidores com uma desaceleração econômica global e com a conclusão da investigação sobre a ingerência da Rússia nas eleições presidenciais de 2016 nos Estados Unidos.

O principal indicador da Bolsa de Nova York somou 14,51 pontos e chegou a 25.516,83. O seletivo S&P 500 caiu 0,08%, para 2.798,36, e o índice composto da Nasdaq subiu 0,07% e fechou aos 7.637,54.

O temor sobre um possível enfraquecimento da economia global, que tinha provocado fortes quedas na última sexta-feira, continuou se fazendo notar hoje, mas o mercado conseguiu se estabilizar e terminar o dia com números estáveis.

Dados macroeconômicos e alguns resultados empresariais decepcionantes alimentaram em Wall Street o medo de uma possível recessão. Outro temor surgiu no final da última semana, quando os rendimentos dos títulos da dívida pública a curto prazo (3 anos) superaram os de 10 anos brevemente, um fenômeno que não ocorria desde 2007, antes da grande crise de 2008 - essa inversão da curva de rendimento precedeu quase todas as recessões desde 1950.

Os mercados também digeriram hoje o relatório do procurador especial Robert Mueller, que exonera o presidente dos EUA, Donald Trump, no escândalo de ingerência russa nas eleições de 2016.

Embora o documento não tenha sido revelado publicamente, o procurador-geral William Barr divulgou ontem uma carta na qual informou que o trabalho elaborado por Mueller conclui que ninguém da campanha do presidente naquele pleito, nem o próprio Trump, conspiraram com autoridades russas naquela eleição.

Os títulos da Apple, que hoje lançou um cartão de crédito, além de serviços de streaming de vídeo, games e notícias, caíram 1,21% - foi a maior queda do dia no Dow Jones, empatada com a dos papéis do DowDuPont. As maiores altas foram das ações de Boeing (2,29%), Caterpillar (1,24%) e Verizon (0,54%).

No horário do fechamento da bolsa, a onça do ouro subia para US$ 1.322,20, e a rentabilidade dos títulos do Tesouro com vencimento em 10 anos caía para 2,407%. EFE