IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Barril do Texas fecha em forte baixa de 5,7%

23/05/2019 17h54

Nova York, 23 mai (EFE).- O barril de Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta quarta-feira em forte baixa de 5,7%, cotado a US$ 57,91, em uma reação dos investidores à guerra comercial entre Estados Unidos e China, às tensões no Oriente Médio e às reservas de petróleo maiores que o previsto pelo mercado.

Ao final das operações na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em junho caíram US$ 3,51 em relação ao valor de fechamento da sessão de quarta-feira.

Analistas apontaram como causas para queda de hoje a nova fase da guerra comercial entre Estados Unidos e China, com a aplicação de sanções contra a empresa chinesa Huawei por parte da Casa Branca.

Além disso, as tensões no Oriente Médio estão diminuindo, o que pode significar um aumento da oferta de petróleo em um momento no qual os investidores temem pelo crescimento econômico global.

Dados da economia americana também tiveram influência na queda das cotações hoje. A atividade manufatureira nos EUA avançou em maio no ritmo mais lento desde setembro de 2009, segundo o IHS Markit.

Outro sinal negativo vem dos estoques de petróleo dos EUA. Segundo o último relatório da Administração de Informação de Energia, as reservas cresceram em 4,7 milhões de barris na última semana, atingindo o nível mais alto desde julho de 2017.

Por sua vez, os contratos de gasolina com vencimento em julho caíram quase US$ 0,08, para US$ 1,89 o galão, enquanto os de gás natural com vencimento no mesmo mês subiram quase US$ 0,03, encerrando o dia aos US$ 2,59 por cada mil pés cúbicos. EFE

Mais Economia