PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Dow Jones fecha em baixa de 0,43% em meio a expectativa sobre juros

08/07/2019 19h02

Nova York, 8 jul (EFE).- Os três principais indicadores de Wall Street fecharam em queda nesta segunda-feira em meio às expectativas dos investidores sobre o pronunciamento que o presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, fará daqui a dois dias no Congresso dos Estados Unidos sobre política monetária e no qual pode indicar qual ação tomará a respeito dos juros de referência no país.

O índice Dow Jones Industrial caiu 0,43%, para 26.806,14 pontos. Já o seletivo S&P 500 recuou 0,48%, para 2.975,95, e o indicador composto da bolsa eletrônica Nasdaq fechou em baixa de 0,78%, aos 8.098,38.

Os investidores monitoram qualquer indício procedente do Fed sobre a política monetária, já que, em geral, preveem que o banco central americano reduzirá os juros em julho, apesar de recentes dados macroeconômicos considerados positivos terem gerado dúvidas sobre esta possível ação.

O governo dos EUA informou na última sexta-feira que, em junho, foram criados 224 mil empregos no país, muito acima das expectativas do mercado, que se pergunta agora se o Fed fará algum movimento para evitar um enfraquecimento da economia.

No Dow Jones, a queda mais acentuada do dia foi dos títulos da Apple (-2,06%), após a corretora e consultora Rosenblatt Securities reduzir o grau de recomendação para as suas ações da companhia de "neutro" para "venda" porque espera uma desvalorização de seu valor nos próximos 6 a 12 meses.

Também tiveram queda expressiva as ações de Merck (-1,82%), 3M (-1,63%), Dow (-1,60%), Pfizer (-1,41%) e Boeing (-1,33%). No caso desta última companhia, pesou a perda de uma milionária encomenda de aviões 737 MAX de uma companhia aérea saudita. Por outro lado, as principais altas foram dos papéis de Nike (1,91%) e Procter & Gamble (0,80%).

Fora desse indicador e mantendo a linha do que havia ocorrido nas principais bolsas europeias, as ações do Deutsche Bank despencaram 6,10% em Nova York após o banco alemão anunciar um plano de reestruturação global que inclui a demissão de 18 mil funcionários.

No horário de fechamento da bolsa, a onça do ouro caía para US$ 1.396,40, e a rentabilidade dos treasuries de dez anos subia para 2,049%. EFE