IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Barril do Texas fecha em alta de 1%

23/07/2019 17h43

Nova York, 23 jul (EFE).- O barril de Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou em alta de 1% nesta terça-feira, cotado a US$ 56,77.

Ao final das operações da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em setembro, o novo mês de referência, subiram US$ 0,55 em relação ao fechamento de ontem.

O pregão de hoje foi irregular, mas a expectativa de que o governo americano divulgue amanhã uma redução de 4,4 milhões de barris nas reservas semanais pressionou o preço para cima no fim da jornada, de acordo com a companhia de consultoria financeira do setor energético S&P Global Platts.

Além disso, os investidores ficaram esperançosos diante de uma notícia veiculada pela "CNBC" de que uma delegação americana viajará nos próximos dias à China para desenvolver negociações que possam levar a um acordo comercial.

Precisamente hoje, o Fundo Monetário Internacional (FMI) reduziu em um décimo suas previsões de crescimento global para 2019, até 3,2%, devido às tensões internacionais e, mais concretamente, ao conflito tarifário entre Washington e Pequim.

Por outra lado, as preocupações com a crescente tensão no Golfo Pérsico parecem se dissipar depois que o governo iraniano garantiu que não busca um confronto com outros países e que sua missão é garantir a segurança no Estreito de Ormuz.

Na semana passada, o Irã capturou um petroleiro britânico, o que aumentou a instabilidade na região e levou EUA e Reino Unido a solicitarem a formação de uma missão naval para escoltar os navios.

Nesse contexto, os contratos de gasolina com vencimento em agosto subiram US$ 0,03, para US$ 1,86 o galão, enquanto os de gás natural com vencimento no mesmo mês caíram US$ 0,01, para US$ 2,30 por cada mil pés cúbicos. EFE

Mais Economia