PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Itália terá aplicativo de celular para rastrear casos de Covid-19

17/04/2020 18h54

Roma, 17 abr (EFE).- A Itália aprovou a utilização de um aplicativo para smartphones com o objetivo de rastrear contatos de pessoas que testem positivo para Covid-19, como uma das medidas que serão usadas na chamada fase 2, quando os confinamentos serão aliviados e algumas atividades reabertas.

O comissário nomeado pelo governo para administrar a emergência, Domenico Arcuri, confirmou que a concessão para desenvolver o aplicativo, que será chamado "Immuni" (Immunes), foi atribuída à empresa italiana Bending Spoons.

O aplicativo estará disponível para download e começará a ser testado em algumas regiões e depois será utilizado em todo o país.

"Será um pilar da nossa estratégia para lidar com a fase pós-emergência", afirmou Arcuri.

O comissário disse que os italianos devem adotá-lo em massa, "já que é necessário o apoio deles para que um sistema de rastreamento de contatos funcione", acrescentou.

A empresa lembrou que é o governo que tem a licença para o uso do produto e que a Bending Spoons atua de forma totalmente gratuita, financia suas próprias despesas e não recebe compensação por seu compromisso.

O aplicativo "Immuni" só pode ser baixado de forma voluntária e apenas o usuário terá acesso aos dados. Assim que for ativado, ele registra os contatos que também foram mantidos com outras pessoas que baixaram o programa através do "bluetooth" e também as rotas seguidas.

Se a pessoa que estiver usando o aplicativo testar positivo para Covid-19, ela poderá dar seu consentimento para o processamento de seus dados armazenados no celular, o que permitirá o rastreamento de todas as pessoas com quem eles entraram em contato nos dias anteriores e reconstruir o histórico dos seus movimentos.

Nenhum dos dados coletados será registrado ou divulgado antes do paciente, se infectado pelo novo coronavírus, tenha dado consentimento para seu uso.