Bolsas

Câmbio

Nível de emprego da indústria paulista cai 4,07% em maio

Caio Rinaldi

São Paulo

O nível de emprego na indústria paulista caiu 4,07% em maio ante igual mês de 2016, equivalente ao fechamento de 92,5 mil vagas, informou o Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos (Depecon), da Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp e Ciesp) nesta quarta-feira, 14. Houve queda de 0,30% em maio ante abril na série com ajuste sazonal. Já na comparação sem ajuste sazonal, o recuo foi de 0,13%, com a fechamento de 3 mil vagas no mês.

No acumulado do ano até maio, foram criadas 19,5 mil vagas, com aumento do nível de emprego de 0,90% na série sem ajuste sazonal.

As contratações das usinas de açúcar e álcool contribuíram para que as demissões não ultrapassassem a marca de 4 mil postos ante abril, explicou o diretor titular do Depecon, Paulo Francini. "Infelizmente, ainda não existe sinal de recuperação do emprego na indústria paulista, como se esperava. Excluindo as usinas de açúcar e álcool, teríamos um saldo de apenas 1.000 contratações ao longo dos cinco meses deste ano", disse.

Segundo a Fiesp, a geração de postos de trabalho em maio aconteceu em oito dos 22 setores pesquisados no mês. Outros seis segmentos mantiveram o quadro de funcionários estável, enquanto oito registraram desempenho negativo. A indústria alimentícia teve destaque, com a criação de 878 vagas. Na sequência aparecem: produtos têxteis (736), produtos diversos (668) e móveis (462).

No Estado de São Paulo, houve queda de vagas na faixa de 0,13%. Por região, o interior paulista registrou recuo de 0,27%, enquanto que, na Grande São Paulo, a quantidade de postos de trabalho caiu 0,04%. Nas diretorias regionais, o avanço mais intenso aconteceu em Americana (1,78%), sustentado pelo segmento têxtil (4,72%), assim como produtos de borracha e plástico (0,54%).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos