Bolsas

Câmbio

Fábricas da Mercedes-Benz e da Honda esperam voltar a produzir na 2ª-feira

André Ítalo Rocha

São Paulo

As fábricas da Mercedes-Benz e da Honda no Brasil esperam voltar a produzir na segunda-feira, 4, após os caminhoneiros começarem a desmobilizar a greve e a liberar parte das estradas.

A da Mercedes-Benz, que se localiza em São Bernardo do Campo (SP) e produz caminhões e ônibus, chegou a parar antes mesmo do início da greve dos caminhoneiros, em razão de uma paralisação dos metalúrgicos, em meio a uma negociação salarial. Quando a questão interna foi resolvida, a empresa chegou a produzir por um dia, na sexta-feira da semana passada, antes de começar a ser afetada pelo bloqueio das estradas.

Ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, a montadora informou que decidiu emendar o feriado de quinta-feira com o fim de semana, o que deixa o retorno das atividades para segunda-feira.

A Honda, que interrompeu sua produção de automóveis em Sumaré (SP) na quarta-feira passada, afirmou que tem a intenção de retornar na segunda-feira. A retomada, no entanto, depende da normalização da entrega de componentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos