PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

INCC-M sobe 0,91% em julho após 0,44% em junho, revela FGV

Maria Regina Silva

São Paulo

26/07/2019 08h38

O Índice Nacional de Custo da Construção - Mercado (INCC-M) acelerou o ritmo de alta a 0,91% em julho, após 0,44% em junho, informou nesta sexta-feira, 26, a Fundação Getulio Vargas (FGV).

A taxa do indicador relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços desacelerou a velocidade de elevação a 0,07%, na comparação com 0,11% no sexto mês do ano. Em contrapartida, a taxa do índice referente à Mão de Obra avançou a 1,63% em julho, depois de 0,72% em junho.

No grupo Materiais, Equipamentos e Serviços, a taxa do segmento de Materiais e Equipamentos arrefeceu a 0,04% em relação à variação de 0,09% em junho.

Dos quatro subgrupos componentes, dois apresentaram desaceleração, com destaque para materiais para estrutura, cuja taxa passou de 0,07% a 0,01%.

Já o segmento de Serviços repetiu a taxa de 0,30% do mês passado. Nesta categoria, a FGV destaca o alívio em item projetos, de 0,48% para variação zero. Em contrapartida, o item aluguel de máquinas saiu de 0,14% para 0,59% em julho.

O INCC-M apresentou aceleração em cinco das sete capitais pesquisadas: Belo Horizonte (0,05% para 0,08%), Recife (0,51% para 2,16%), Rio de Janeiro (-0,02% para alta de 0,17%), Porto Alegre (-0,05% a -0,03%) e São Paulo (0,93% a 1,77%). As taxas de Brasília (0,15% para 0,11%) e Salvador (-0,02% para -0,06%) registraram decréscimo.

O INCC-M é calculado com base nos preços coletados entre os dias 21 do mês anterior e 20 do mês de referência.