PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Para FMI, novas ondas da covid-19 são risco e tornam perspectiva muito incerta

Gabriel Bueno da Costa

São Paulo

23/07/2020 12h26

Porta-voz do Fundo Monetário Internacional (FMI), Gerry Rice afirmou nesta quinta-feira, 23, que a possibilidade de novas ondas de surtos da covid-19 é um risco importante "em toda parte", tornando a perspectiva econômica "altamente incerta". A declaração foi dada durante entrevista coletiva virtual, na qual Rice elogiou o fato de que a União Europeia chegou a um acordo por um Fundo de Recuperação de 750 bilhões de euros para apoiar a retomada econômica, em meio a uma crise global "sem precedentes".

Rice fez o comentário quando tratava do caso da Espanha, que foi "particularmente atingida pela pandemia". Ele notou que as projeções atuais do Fundo para o país já levam em conta a possibilidade de surtos da doença e potenciais limitações em áreas de "contato intensivo".

O FMI projeta uma contração de 12,8% neste ano na Espanha, com crescimento de 6,3% em 2021 - o porta-voz lembrou que o FMI atualizará suas projeções para os países em outubro. Rice comentou que, nesse contexto, o fundo da UE será uma "contribuição importante" para garantir uma retomada mais resistente na região.

O porta-voz lembrou que o FMI elevou recentemente o montante anual permitido que os países podem ter de financiamento. "Elevar o limite permite que esses países que pediram auxílio recebam níveis maiores de financiamento neste ano, dando a eles acesso de curto prazo a esses fundos", comentou.

Segundo ele, a intenção da entidade é criar mais espaço fiscal para as nações, nesse contexto de crise atual.