PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Representantes do setor privado defendem reformas para retomada em 2021

Lorenna Rodrigues e Eduardo Rodrigues

Brasília

08/12/2020 12h39

Representantes do setor privado defenderam a aprovação de reformas para garantir a retomada da economia em 2021. Em evento promovido pelo Instituto de Estudos Jurídicos Aplicados (Ieja), o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade, disse que a expectativa do setor para o próximo ano é positiva, mas é preciso "passos seguros" para a recuperação.

"Precisamos do Congresso Nacional, de uma reforma tributária clara e consciente. Nossos impostos são perversos, nosso sistema tributário é incompreensível. Precisamos de reforma administrativa e de ter segurança no ajuste fiscal", afirmou Andrade.

O presidente da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Isaac Sidney, disse que a ação coordenada do poder público e do setor privado evitou que 2020 fosse tão ruim economicamente quanto as previsões iniciais. "Serão importantíssimas as reformas, em especial as que procuram destravar investimentos e aumentar produtividade", completou.

Ele disse ainda que o maior risco para o País segue sendo dinâmica da divida publica.