PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Bolsonaro diz que compra do Twitter por Elon Musk 'mudou o humor do Brasil'

20.abr.2022 - O presidente Jair Bolsonaro - Isac Nóbrega/PR
20.abr.2022 - O presidente Jair Bolsonaro Imagem: Isac Nóbrega/PR

Eduardo Gayer

Brasília

28/04/2022 20h46Atualizada em 28/04/2022 20h46

O presidente Jair Bolsonaro comemorou nesta quinta-feira, 28, a compra do Twitter pelo bilionário americano Elon Musk. "Mudou o humor do Brasil", disse o chefe do Executivo em transmissão ao vivo nas redes sociais.

Ao comprar a plataforma por US$ 44 bilhões, Musk afirmou que sua prioridade seria "aumentar os limites da liberdade de expressão" da rede social. A iniciativa foi comemorada por bolsonaristas, que criticam os limites impostos no Twitter a compartilhamento de fakenews.

De acordo com Bolsonaro, perfis de direita no Twitter ganharam maior número de seguidores após a compra por Elon Musk porque os algoritmos teriam respondido à aquisição. O presidente não apresentou provas sobre a declaração.

Economia

O chefe do Executivo voltou a apontar o preço dos combustíveis e dos alimentos, além da escassez de fertilizantes, como problemas do Brasil. "São poucos problemas, mas são graves", declarou, na Live. "Se Deus quiser, brevemente teremos nossos fertilizantes aqui, ou uma alternativa, como pó de pedra e potássio das algas", acrescentou. Nesta semana, o presidente disse que navios com fertilizantes russos estão a caminho do Brasil.

Bolsonaro ainda reforçou que gostaria que fossem construídas novas refinarias de petróleo no País, como forma de diminuir as importações em dólar e, consequentemente, o preço da gasolina na ponta da linha.