IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Lula diz que Desenrola pode ser anunciado semana que vem

Brasília, 28

28/02/2023 13h51

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta terça-feira, 28, que o Desenrola, desenhado para a renegociação de dívidas, poderá ser anunciado na próxima semana. Em evento no Palácio do Planalto para a reinstalação do Conselho Nacional de Segurança Alimentar, o petista disse que o programa está "pronto". "Outra coisa importante que está para ser anunciado é o Desenrola. Está pronto, acho que na semana que vem vamos poder anunciar", disse o presidente.

Ao falar da necessidade de tirar a população do "arrocho" no mercado de crédito, o petista citou que hoje existem 51 milhões de pessoas que devem entre zero e dois salários mínimos, o equivalente a R$ 50 bilhões. "Essas pessoas, às vezes, devem R$ 100, R$ 200, R$ 300, e estão penduradas no Serasa. E não podem comprar mais nada, não podem ter mais crédito. Temos que dar um jeito de resolver isso. É por isso que Haddad está discutindo com sua equipe, com Febraban, Banco do Brasil, com a Caixa, com empresários, para encontrar uma proposta de fazer com que essas pessoas se livrem dessas dívidas e possam voltar outra vez a ser cidadãos plenos, com direito a comprar, fazer crédito mais uma vez. Temos 51 milhões de pessoas com R$ 50 bilhões. E por outro lado nós temos 35 milhões de pessoas com R$ 349 bilhões de dívidas", afirmou Lula.

O presidente comentou ainda que a maioria dessas dívidas foi contraída nos últimos 14 meses. "São dívidas recentes, que as pessoas entraram em gargalo que não conseguem sair. Precisamos liberar esses brasileiros do arrocho do crédito. E esse País ele pode voltar a ser o país que nós sonhamos", disse.

Ontem, o secretário do Tesouro Nacional, Rogério Ceron, afirmou que o Desenrola está em fase final de preparação dos atos normativos.