IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

Indicador de movimento de comércio cai 2,3% em fevereiro, diz Boa Vista

São Paulo

03/04/2023 12h10

O indicador antecedente Boa Vista de Movimento do Comércio, que monitora o desempenho das vendas no varejo por todo o País, recuou 2,3% em fevereiro, após avanço de 1,2% em janeiro, em números dessazonalizados, interrompendo uma série de quatro avanços consecutivos na comparação mensal. No resultado acumulado em 12 meses, o indicador registra avanço de 1,5%, enquanto que, na comparação interanual, apresenta queda de 1,8%.

O resultado no ano, considerando apenas os dados do primeiro bimestre, é de queda de 0,1%. Na média do trimestre móvel encerrado em fevereiro, o índice aponta para alta de 1,5% em relação ao trimestre encerrado em novembro, em número com ajuste sazonal.

A Boa Vista avalia a queda em fevereiro como "intensa, mas justificável", segundo o economista Flávio Calife. "Alguns comércios ficaram fechados durante o Carnaval e isso, como era de se esperar, teve um impacto sobre o volume. Isso foi pontual, o maior destaque é a tendência de longo prazo do indicador, que vinha numa trajetória ascendente desde o último trimestre do ano passado e agora parece ter encontrado um ponto de inflexão", afirma o economista.

Na avaliação da Boa Vista, o quadro condiz com a expectativa para o ano de desaceleração do varejo em um cenário que combina inflação e juros altos. "O setor também deve sentir o efeito do menor crescimento que é esperado no crédito e de um mercado de trabalho menos aquecido", acrescenta Calife.

O indicador de Movimento do Comércio é apurado com base na quantidade de consultas à base de dados da Boa Vista por empresas do setor varejista.