IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Presidente do BoJ promete manter relaxamento com expectativa de desaceleração da inflação

Tóquio

24/04/2023 09h59

O presidente do Banco do Japão (BoJ, pela sigla em inglês), Kazuo Ueda, disse nesta segunda-feira, 24, que irá, por enquanto, manter o relaxamento monetário porque tem a expectativa de que a inflação no país comece a desacelerar em breve. "A tendência de inflação ainda está abaixo de 2%, então precisamos continuar com o relaxamento monetário", disse Ueda a um comitê do Parlamento japonês.

Ele previu que a inflação provavelmente diminuirá para menos de 2%, meta oficial do BoJ, na segunda metade do ano fiscal que se encerra em março de 2024.

O BC japonês precisa examinar a perspectiva de preços de forma ainda mais cautelosa, uma vez que terá de reverter a acomodação quando a tendência de inflação atingir 2%.

Ueda disse ainda que o BoJ poderá não ter condições de anunciar mudanças de última hora no atual teto de juros para os bônus do governo japonês (JGB) de 10 anos, de forma a evitar turbulências no mercado.

A primeira reunião de dois dias do BoJ sob comando de Ueda, que assumiu o cargo neste mês, será concluída na sexta-feira, 28. Fonte: Dow Jones Newswires.