Barômetro do comércio de bens se recupera, mas incerteza é elevada, afirma OMC

A pesquisa trimestral barômetro de comércio de bens da Organização Mundial de Comércio (OMC), divulgada nesta segunda-feira, 28,, indica que o volume global do comércio dos produtos se recupera, após queda recente, com a melhora puxada por vendas de automóveis e eletrônicos. Os resultados, porém, são mistos, em ambiente de crescentes tensões geopolíticas, o que torna a perspectiva de curto prazo "altamente incerta", segundo a entidade.

O índice ficou em 100,7, acima da leitura de 99,1 de agosto e perto da marca de 100, a linha de base na pesquisa. Isso sugere que o volume de bens negociados deve gradualmente ter uma melhora em sua tendência de médio prazo, no segundo semestre, embora a incerteza seja grande, em quadro de indicadores mistos e crescentes tensões geopolíticas. O barômetro é um indicador antecedente do comércio global, explica a entidade, em comunicado.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes