Cingapura abre mercado para extrato de carne bovina do Brasil

O Brasil poderá exportar extrato de carne bovina para Cingapura. A abertura de mercado foi comunicada nesta terça-feira pelas autoridades cingapurianas ao Ministério da Agricultura, informou o ministro da Agricultura, Carlos Fávaro. "É um produto processado de altíssimo valor agregado, que vale mais que carne nobre. Isso gera oportunidades para o campo", disse Fávaro a jornalistas na terça após reunião com presidente Lula no Palácio do Planalto.

Em nota divulgada nesta quarta-feira, 28, o ministério afirmou que o Brasil recebeu a aprovação sanitária para comercializar o produto no país asiático. No início do mês, Cingapura autorizou a entrada de carnes e produtos derivados de ovinos do Brasil. Em 2023, o país importou aproximadamente US$ 685 milhões em produtos agropecuários brasileiros, de acordo com dados do Ministério.

No ano, o Brasil conquistou 16 novos mercados para produtos agropecuários. Em 2023, as aberturas de mercado chegaram a 78. "Começamos 2024 em ritmo ainda mais acelerado, com o recorde bimestral de aberturas", afirmou o ministro. Segundo Fávaro, Lula pediu a ele a organização de uma missão empresarial à União Africana.