Barreirinhas defende transparência da reforma tributária e elogia servidores da Receita

O secretário especial da Receita Federal, Robinson Barreirinhas, defendeu nesta quinta-feira, 14, a aprovação da reforma tributária sobre o consumo no sentido de dar transparência à população. Ele também elogiou a qualidade técnica dos profissionais da Receita, categoria que iniciou um movimento de greve no início deste ano.

"Acho que esse aspecto da transparência muitas vezes é subestimado", disse o secretário durante evento organizado pelo Sindifisco Nacional, cuja categoria de auditores-fiscais também tem realizado paralisações.

"Só o fato de se dar transparência à carga tributária sobre o consumo no Brasil já foi importantíssimo quando se discutiu a alíquota do IVA Imposto sobre Valor Agregado, se vai ser essa ou aquela. Ah, mas é muito alta. Mas a atual é muito mais alta do que essa", acrescentou.

Barreirinhas também ressaltou a importância da tributação sobre os chamados super ricos e disse que o País era um paraíso fiscal. "Não havia tributação sobre rendimentos nas offshores, fundo fechado era um paraíso fiscal dentro do Brasil. Isso era evidente a todos que analisavam a questão, mas não havia essa comunicação com a população", concluiu.