PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Impeachment de Dilma pode ser apenas o começo de mais problemas, diz FT

Evaristo Sá-13.abr.2016/AFP
Imagem: Evaristo Sá-13.abr.2016/AFP

14/04/2016 16h45

SÃO PAULO - Em matéria analisando o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, o jornal britânico "Financial Times" afirmou que a saída da petista do governo pode ser apenas o começo dos problemas 

"O Brasil está no meio de uma crise política, com a Câmara se preparando para votar no domingo sobre a possibilidade de prosseguir com o impeachment da presidente Dilma Rousseff. A maior economia da América Latina poderá reconciliar suas significativas diferenças políticas na sequência de um impeachment para lidar com um aprofundamento da recessão, ou o processo trará mais instabilidade ou até mesmo o caos?", questiona a publicação. 

A reportagem é em formato de pergunta e resposta, destacando que o impeachment é um "julgamento político", embora ressaltando que as acusações das pedaladas fiscais baseiam o pedido de impeachment. 

"O impeachment é, essencialmente, um voto de desconfiança. Dilma se tornou uma das mais impopulares líderes da história democrática do Brasil". 

O FT diz ainda que Michel Temer, vice-presidente e substituto de Dilma em caso de impeachment, também corre o risco de perder seu mandato por conta da investigação no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que corre contra a chapa da presidente e do vice.

Temer, apesar de ser visto como mais "amigável" para o mercado, corre o risco de enfrentar o PT na oposição. 

"Se, assim como muitos acreditam, ela [Dilma] e o partido [PT] se recusarem a aceitar o resultado do processo de impeachment, o Brasil entrará em território desconhecido", destacou. " Longe de acabar com os problemas do Brasil, o impeachment poderia ser apenas o começo", conclui o FT.

PUBLICIDADE