Bolsas

Câmbio

Credit Suisse corta recomendação para queridinha na bolsa

SÃO PAULO – O Credit Suisse divulgou relatório em que corta sua recomendação para os papéis da BB Seguridade (BBSE3). A indicação da instituição financeira europeia, que era de Outperform (performance acima da média), caiu para o patamar neutro.

"Rebaixando enquanto o gigante desacelera", assim é intitulado o documento da equipe de análise sobre a companhia. Os analistas explicam que a companhia está entrando em uma nova fase de crescimento: enquanto nos últimos anos ela apresentava uma impressionante expansão de lucro líquido, a era de ouro do crescimento nas receitas parece ter acabado.

A impressão da equipe de análise é que o aumento de penetração de seguros na base do Banco do brasil deixa a gigante do setor mais exposta a ciclos econômicos e monetários e, assim, pela primeira vez, a companhia pode ficar fora de seu guidance de receitas.

Mesmo reconhecendo que o crescimento não é tudo, o Credit Suisse destaca que o recente rali do papel e seu valuation atual também aparecem como motivos para cortar sua recomendação para as ações da BB Seguridade.

Recentemente, o papel tem sido mais influenciado pelo noticiário político do que por seus resultados, mesmo trazendo números fortes desde seu IPO (Oferta Pública Inicial, na sigla em inglês), de acordo com os analistas. Quando a poeira abaixar, eles acreditam que o mercado focará mais no perfil de crescimento mais lento do papel e na sua crescente dependência de resultados financeiros.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos