PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Futuros do minério de ferro registram valorização de 1,54% na bolsa de Dalian

11/09/2019 08h34

A quarta-feira foi mais uma jornada que teve como característica a valorização dos contratos futuros do minério de ferro, que são negociados na bolsa de mercadorias de Dalian, na China. O ativo de maior volume de negócios, com data de vencimento para o primeiro mês do próximo ano, encerrou negociado a 661,00 iuanes por tonelada, variação diária de 10 iuanes. O montante representa ganho de 1,54% em relação do preço de liquidação da véspera, de 651,00 iuanes/t.

No caso do vergalhão de aço, com os papéis futuros transacionados na também chinesa bolsa de mercadorias de Xangai, a sessão de quarta-feira foi marcada por desvalorização dos principais vencimentos. O contrato mais líquido, com entrega em janeiro de 2020, caiu 4 iuanes para 3.481 iuanes por tonelada, enquanto o de outubro deste ano, segundo em volume, recuou 11 iuanes para 3.795 iuanes/t.

A China anunciou seu primeiro lote de isenções tarifárias para 16 tipos de produtos dos Estados Unidos, dias antes de uma reunião planejada entre negociadores comerciais dos dois países para tentar diminuir a escalada de suas tarifas.

As isenções se aplicarão aos produtos norte-americanos, incluindo alguns medicamentos e lubrificantes anticâncer, bem como aos ingredientes de ração animal, soro de leite e farinha de peixe, disse o Ministério das Finanças em comunicado em seu site nesta quarta-feira.

Pequim informou em maio que iniciaria um programa de isenção, em meio a crescentes preocupações com o custo da prolongada guerra comercial em sua economia que já está desacelerando.

Alguns analistas veem o movimento como um gesto amigável, mas não o enxergam como um sinal de que ambos os lados estão preparando um acordo.