PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Saiba quem são os 20 novos bilionários do Brasil, segundo a Forbes

Krigsner, do Boticário, entrou no ranking neste ano, com fortuna de R$: 6,45 bilhões - Divulgação
Krigsner, do Boticário, entrou no ranking neste ano, com fortuna de R$: 6,45 bilhões Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

29/08/2014 16h55Atualizada em 30/09/2014 18h26

Seja com seu primeiro bilhão recém-conquistado, ou com fortunas de negócios que se expandiram ao longo de décadas, 20 novos nomes constam entre os bilionários brasileiros em 2014, segundo a revista "Forbes Brasil".

As novas fortunas não estão entre as maiores, no entanto. Apenas três delas passam de R$ 2 bilhões.

Entre os novatos no clube dos bilionários, o mais abastado é Miguel Krigsner, fundador de O Boticário, segunda maior empresa de cosméticos do Brasil. Ele tem patrimônio avaliado em R$ 6,45 bilhões pela revista.

Alguns nomes empatam no fim da lista, com fortunas avaliadas em R$ 1 bilhão. 

Brasileiros que entraram no ranking da Forbes em 2014

  • Miguel Krigsner (24º lugar)

    R$ 6,45 bihões - Fundador de O Boticário, ainda é dono de 80% da empresa, mas hoje atua só no conselho. Com 64 anos, Krignser é filho de imigrantes judeus, nascido na Bolívia e naturalizado brasileiro

  • Flávio Pentagna Guimarães e família (52º lugar)

    R$ 3,4 bilhões - Os negócios da família são variados, mas concentram-se no setor bancário. O mineiro Pentagna tem 85 anos e controla o banco BMG

  • José Janguiê Bezerra Diniz (63º lugar)

    R$ 2,93 bilhões - O ex-engraxate paraibano de 50 anos criou um império educacional, e diversificou os investimentos com uma carteira imobiliária no valor de R$ 500 milhões

  • Ricardo & Rodolfo Villela Marinho (100º lugar)

    R$ 1,73 bilhão - Os irmãos de 40 e 39 anos são filhos de Milu Villela, herdeira e neta do fundador do Itaú. Juntos, eles têm 7,24% de participação no Itaú Unibanco

  • Roberto de Rezende Barbosa & família (101º lugar)

    R$ 1,72 bilhão - Herdeiro do setor agroindustrial, Roberto divide com os irmãos José Eugênio e Renato Eugênio a holding da família, que inclui o banco Intercap, uma empresa logística e várias fazendas

  • Artur Grynbaum (107º lugar)

    R$ 1,62 bilhão - Um dos nomes fortes dentro de O Boticário, Grynbaum, de 45 anos, tornou-se sócio do fundador Miguel Krigsner, que também é seu cunhado

  • Ernesto Corrêa da Silva Filho e família (108º lugar)

    R$ 1,60 bilhão - O patrimônio de Corrêa da Silva distribui os ovos em várias cestas: ele fez fortuna como negociador de calçados na China, mas diversificou com banco, rede hoteleira e empresas de transações eletrônicas

  • Chaim Zaher & família (112º lugar)

    R$ 1,48 bilhão - O libanês naturalizado brasileiro Chaim Zaher subiu de porteiro a dono de um enorme grupo educacional que inclui as marcas Dom Bosco, Pueri Domus e COC.

  • Salo Davi & Hélio Seibel (115º)

    R$ 1,42 bilhão - Os irmãos são filhos de Bernard Seibel, dono da Léo Madeiras, e estenderam o patrimônio com a aquisição de outras empresas do ramo, como a Duratex e a operação brasileira da Leroy Merlin

  • José Bezerra de Menezes Neto & família (117º lugar)

    R$ 1,4 bilhão - Bezerra de Menezes faz parte da terceira geração de controladores do grupo bancário fundado pelo avô, o BIC Banco, da qual ainda tem parte do controle acionário. A BIC Corretora continua na família

  • Paulo Sérgio Barbanti (118º lugar)

    R$ 1,39 bilhão - O médico fundou a Intermédica na década de 1970 e a operadora de saúde chegou a ser a terceira maior do país. Em março desse ano, Barbanti vendeu a empresa por cerca de R$ 2 bilhões

  • Marcelo Henrique Limírio Gonçalves e família (120º lugar)

    R$ 1,32 bilhão - Fundador da Neo Química, Gonçalves vendeu a empresa para a Hypermarcas em 2009, mantendo apenas uma participação de 5,54%.

  • Eduardo & Jorge Luiz Silva Logeman (121º lugar)

    R$ 1,31 bilhão- Os irmãos controlam um conglomerado de empresas no setor agrícola e estão entre os maiores proprietários de terras cultivadas no país

  • Geninho Thomé (128º lugar)

    R$ 1,16 bilhão - O cirurgião dentista criou a Neodente, empresa de implantes dentários que é dona de uma centena de patentes e dona da NeoOrtho, de implantes para ortopedia. Em 2012, Thomé vendeu 49% da empresa para um grupo suíço por US$ 275 milhões

  • Régis & Ghislaine Dubrule (138º lugar)

    R$ 1,06 bilhão- Os franceses naturalizados brasileiros são fundadores da Tok Stok, maior rede de lojas de móveis e artigos para casa do Brasil, avaliada em R$ 1,15 bilhão

  • Everardo Ferreira Telles & família (143º lugar)

    R$ 1,02 bilhão - Bisneto do fundador da Ypióca, Everardo assumiu a empresa nos anos 1970, e diversificou as atividades do grupo. Além de destilarias de cachaça, os Telles mantém atividades em outras áreas

  • Antônio Carlos Pipponzi & família (146º lugar)

    R$ 1 bilhão - Antônio Carlos é herdeiro do fundador da Droga Raia, que fundiu-se com a Drogasil em 2011. Presidente do grupo, detém cerca de 15% da Raia-Drogasil

  • Celso Ricardo de Moraes (147º lugar)

    R$ 1 bilhão - Celso comprou a Kopenhagen quando a rede tinha 100 lojas, multiplicou os negócios da marca, criou a Brasil Cacau e ressuscitou a Dan Top

  • Luiz Eduardo Tarquínio Monteiro da Costa & família (148º lugar)

    R$ 1 bilhão - Luiz Eduardo fez fortuna no ramo de bebidas ? ele controla uma engarrafadora da Coca-Cola no Brasil. O grupo tem também um banco, uma rede de postos de combustível e empreendimentos imobiliários e agropecuários

  • Ricardo Lopes Delneri (149º lugar)

    R$ 1 bilhão - Aos 43 anos, Delneri é o mais jovem dos novos milionários no ?clube?. Ele é sócio-fundador da Renova, uma das maiores empresas de energia renovável da América Latina