IPCA
0.13 Mai.2019
Topo

Juros do cheque especial atingem maior nível em 20 anos, diz Procon

Do UOL, em São Paulo

2015-10-08T11:53:04

2015-10-08T14:50:37

08/10/2015 11h53Atualizada em 08/10/2015 14h50

Os juros do cheque especial (o "limite" extra da conta corrente no banco) chegaram a 12,28% ao mês em outubro. Esse é o maior nível desde setembro de 1995, quando a taxa era 12,58%, segundo pesquisa da Fundação Procon-SP divulgada nesta quinta-feira (8).

Em relação ao mês anterior, quando a taxa média de juros de cheque especial foi de 11,90%, houve aumento de 0,38 ponto percentual.

Das sete instituições financeiras que fazem parte da pesquisa, cinco aumentaram a taxa do cheque especial na comparação com setembro:

  • o Santander subiu de 14,24% para 14,84% ao mês;
  • o Itaú Unibanco aumentou de 11,63% para 11,93%;
  • o Bradesco elevou de 11,64% para 11,92%;
  • o Banco do Brasil mudou de 11,38% para 11,80%;
  • a Caixa alterou a taxa de 10,35% para 11,38%;

HSBC e Safra mantiveram a taxa de juros do cheque especial sem alterações, em 13,67% e  10,40% ao mês, respectivamente.

Esses são números médios e podem variar para cada situação específica, porque os bancos oferecem taxas diferentes de acordo com o plano contratado pelo cliente e a relação entre eles (quem tem mais dinheiro no banco paga menos taxas).

Juros do empréstimo pessoal sobem

No empréstimo pessoal, a taxa média dos bancos pesquisados foi 6,27% ao mês, superior à do mês anterior, que foi 6,26%.

Nesta linha de crédito, o Bradesco elevou a taxa de 6,57% para 6,61% ao mês, variação positiva de 0,61% em relação à taxa de setembro. Os demais bancos mantiveram suas taxas.

(Com Agência Brasil)

Mais Economia