Bolsas

Câmbio

Importante no PIB, investimento cai 17,5%, 8º trimestre seguido de queda

Do UOL, em São Paulo

Os investimentos caíram 2,7% no primeiro trimestre de 2016, em relação ao trimestre anterior, décimo trimestre seguido de queda. Na comparação com o mesmo período de 2015, os investimentos tiveram queda de 17,5%, a oitava consecutiva. 

Em 2015, os investimentos haviam encolhido 14,1%.

Os dados do PIB foram divulgados nesta quarta-feira (1º) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e mostraram que a economia brasileira encolheu 0,3% no primeiro trimestre, comparando com o período anterior, e 5,4% em relação ao primeiro trimestre do ano passado. 

Segundo o IBGE, o tombo dos investimentos ocorreu, principalmente, pela queda das importações e da produção interna, sendo influenciado ainda pelo desempenho negativo da construção neste período. 

O investimento das empresas para produzir mais é um dos indicadores mais importantes do PIB (Produto Interno Bruto). Ele mostra a capacidade do país de continuar crescendo no futuro: quando uma empresa planeja aumentar a produção, ela investe em máquinas, transporte e infraestrutura, por exemplo.

Se esse índice cai, isso indica que os empresários não estão confiantes e, portanto, não pretendem ampliar a produção. Se as empresas não crescem, deixam de contratar trabalhadores e de produzir mais, fazendo com que a economia desacelere no longo prazo.

Entenda o que é o PIB e como ele é calculado

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos