Bolsas

Câmbio

Situação melhorou com ações do governo e menor efeito da Lava Jato, diz BC

Kelly Oliveira

Da Agência Brasil

A trajetória de recessão da economia brasileira a partir de 2014 mostrou relativa moderação no trimestre encerrado em maio deste ano, disse o Banco Central nesta sexta-feira (5).

Para o BC, a moderação é resultado de melhora da confiança de empresários e consumidores devido a efeitos positivos dos ajustes na economia feitos pelo governo. O banco também destaca a menor influência da operação operação Lava Jato, que vinha afetando o PIB (Produto Interno Bruto).

Considerado uma prévia do PIB , o IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central) encolheu 1% no trimestre encerrado em maio, em relação ao período anterior. Essa retração foi "significativamente inferior", de acordo com o BC, à registrada em trimestres anteriores.

Os dados são dessazonalizados (descontam as diferenças sazonais entre os os períodos comparados).

Trimestres anteriores

No trimestre encerrado em fevereiro deste ano, a retração era de 1,4%. No anterior, terminado em novembro de 2015, a queda era de 1,5% e, em agosto do ano passado de 2,2%.

"Esta melhora repercutiu, em especial, na evolução dos indicadores do Sul, favorecida pela concentração da colheita de grãos; do Norte, beneficiada pela trajetória da indústria e da pecuária; e do Sudeste, repercutindo a recuperação da indústria, após longo período de retração", disse o BC. 

"No Nordeste, embora a variação do indicador de atividade permanecesse negativa, mostrou significativa moderação em relação ao período anterior, enquanto a deterioração registrada no Centro-Oeste foi condicionada pela quebra da safra grãos", acrescentou o BC.

O Banco Central afirmou, ainda, que há "desdobramentos positivos" do maior dinamismo do setor externo e da melhora nos índices de confiança sobre o desempenho da indústria.

Por outro lado, diz o BC, os indicadores do setor de comércio e de serviços repercutem o ajuste mais lento nos mercados de trabalho e de crédito.

Economize e controle seu dinheiro com os melhores apps de finanças

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos