Bolsas

Câmbio

Ouça o Giro UOL Economia com os destaques desta segunda, 28 de novembro

Lucas Menegale

Do UOL, em São Paulo

Mercado financeiro

A Bolsa teve a segunda alta seguida e subiu 2,11%, para 62.855,5 pontos. A sessão foi influenciada, principalmente, pelo desempenho positivo das ações da Vale, que saltaram mais de 7%, além dos bancos e da Petrobras.

Já no mercado de câmbio, o dólar caiu 0,85% e está cotado em R$ 3,385.

Leia mais

 

Bons resultados em outubro

Com a receita inédita da repatriação, o setor público registrou superavit primário de R$ 39,5 bilhões em outubro. Esse foi o melhor resultado para o mês desde 2001, quando começou a série histórica.

Mesmo com o pagamento dos juros da dívida, o setor público em outubro conseguiu economizar R$ 3,38 bilhões, a primeira vez que o resultado ficou positivo em 18 meses.

Leia mais

 

Crise no DF

Pelo segundo mês consecutivo, o governo do Distrito Federal afirma que não tem dinheiro para pagar todos dos servidores públicos. Pelas contas da equipe econômica do governador Rollemberg, falta R$ 1,6 bilhão para fechar a folha de dezembro.

Ao todo, 15% dos funcionários da administração direta podem ficar sem salário.

Leia mais

 

Salários acima do teto

E por falar nos servidores: o número de funcionários públicos que ganha salários acima do teto constitucional cresceu quase 3,5 vezes nos últimos dez anos no Brasil.

Ao menos 13,1 mil servidores tiveram remuneração mensal média maior que o dos ministros do Supremo Tribunal Federal no ano passado, que é de R$ 33.763. Em 2005, apenas 3.900 receberam mais que o teto da época.

Leia mais

 

Cidade maravilhosa sem Uber

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, sancionou a lei aprovada em 16 de novembro pela Câmara dos Vereadores que proíbe o transporte particular remunerado de passageiros. Na prática, a lei impede as atividades do Uber na cidade.

A decisão pela proibição foi publicada no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro desta segunda-feira.

Leia mais

 

Tesouro Direto mais acessível

O Tesouro Direto passará por uma segunda rodada de mudanças na tentativa de atrair mais investidores para a plataforma de venda de títulos públicos. O anúncio deve ser feito nesta semana com o objetivo de tornar o programa "mais fácil e acessível".

Depois de estabelecer a recompra diária dos títulos e de mudar os nomes dos papéis para torná-los mais acessíveis ao pequeno investidor, o próximo passo deve ser ampliar o horário para venda.

Leia mais

 

Agenda

Amanhã é o primeiro dia da reunião do Comitê de Política Monetária para decidir o novo patamar da taxa básica de juros da economia (Selic).

A segunda prévia do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) de novembro será divulgada pela Fundação Getúlio Vargas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos