ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Dono da Ambev perde US$ 1,8 bi, mas é o mais rico do Brasil pelo 6º ano

Do UOL, em São Paulo

06/03/2018 11h26

O empresário Jorge Paulo Lemann, 78, sócio da cervejaria Ambev, é o homem mais rico do Brasil pelo sexto ano seguido, segundo a revista "Forbes". No entanto, do ano passado para cá, sua fortuna caiu de US$ 29,2 bilhão para US$ 27,4 bilhões, uma perda de US$ 1,8 bilhão. 

A queda no valor do patrimônio fez o brasileiro cair sete posições no ranking mundial, passando da 22ª posição em 2017 para a 29ª este ano.

Ex-jogador profissional de tênis, Lemann é sócio da empresa de investimentos 3G Capital Partners, que possui marcas como Budweiser, Burger King e Heinz. No Brasil, tem participação na Ambev, fabricante de cervejas como Brahma, Skol e Antarctica.

Ele assumiu o posto de homem mais rico do país em 2013. No ano anterior, ele havia ficado tecnicamente empatado com Eike Batista.

Outros brasileiros

No total, o número de bilionários brasileiros diminui de 43 em 2017 para 42 em 2018, de acordo com a "Forbes". Porém, a soma do patrimônio deles aumentou 2,5% em relação ao ano passado: de US$ 172,1 bilhões para US$ 176,4 bilhões.

Veja quem são os dez brasileiros mais ricos:

  • 1º Jorge Paulo Lemman (3G Capital): US$ 27,4 bilhões
  • 2º Joseph Safra (banco Safra): US$ 23,5 bilhões
  • 3º Marcel Herrmann Telles (3G Capital): US$ 14 bilhões
  • 4º Carlos Alberto Sicupira (3G Capital): US$ 12 bilhões
  • 5º Eduardo Saverin (Facebook) US$ 10,1 bilhões
  • 6º Pedro Moreira Salles (banco e mineração): US$ 5,1 bilhões
  • 7º Fernando Roberto Moreira Salles (banco e mineração): US$ 5 bilhões
  • 7º João Moreira Salles (banco e mineração): US$ 5 bilhões
  • 7º Walther Moreira Salles Junior (banco e mineração): US$ 5 bilhões
  • 10º Abilio dos Santos Diniz (comércio): US$ 3,5 bilhões

Mais ricos do mundo

No ranking mundial, Jeff Bezos ocupa a primeira posição pela primeira vez, segundo a "Forbes". O dono da Amazon acumula fortuna de US$ 112 bilhões, US$ 39,2 bilhões a mais do que no ano passado.

O cofundador da Microsoft Bill Gates ficou em segundo lugar, com um patrimônio de US$ 90 bilhões. Em 2017, a fortuna dele era de US$ 86 bilhões. Warren Buffet viu seu patrimônio aumentar de US$ 75,6 bilhões em 2017 para US$ 84 bilhões em 2018, mas ficou em terceiro lugar no ranking mundial.

Se não sabe responder a estas 5 questões, será muito difícil ficar rico

UOL Notícias

Mais Economia