ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Índice que reajusta aluguel acelera para 0,7% em agosto e 8,89% em 12 meses

Do UOL, em São Paulo

30/08/2018 08h11Atualizada em 30/08/2018 12h06

O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado como referência para corrigir valores de contratos, como os de aluguel de imóveis, acelerou a alta para 0,7% em agosto, em comparação com 0,51% em julho. No acumulado em 12 meses, o indicador acelerou para 8,89%.

Os dados informados pela Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quinta-feira (30) ficaram acima da expectativa de analistas consultados pela agência Reuters, que esperavam aumento de 0,65% em agosto. 

O indicador saltou de 8,24% em 12 meses até julho para 8,89% em 12 meses até agosto. No acumulado de 2018 até agosto, o IGP-M registra elevação de 6,66%.

Leia também:

O que pesou?

Segundo a FGV, houve forte pressão dos preços dos produtos agropecuários no atacado compensando o alívio no varejo.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que responde por 60% do índice geral e apura a variação dos preços no atacado, registrou no mês avanço de 1%, depois de ter subido 0,5% no mês anterior.

No mês, os Produtos Agropecuários passaram a subir 1,6%, depois de terem recuado 1,83% em julho.

No varejo, a pressão foi menor, uma vez que o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que tem peso de 30% no índice geral, desacelerou a alta a 0,05% em agosto, depois de ter avançado 0,44% em julho.

O grupo Habitação deu a principal contribuição para o resultado, desacelerando a alta a 0,54%, depois de ter avançado 1,37% no mês anterior, com destaque para a conta de luz. 

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) subiu 0,3%, contra avanço de 0,72% em julho.

(Com Reuters e Estadão Conteúdo) 

Por que a inflação no nosso bolso parece maior do que a inflação oficial?

UOL Notícias

Mais Economia