PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Black Friday

Black Friday é hoje, e você não pesquisou preços antes? Sites podem ajudar

Thâmara Kaoru

Do UOL, em São Paulo

23/11/2018 04h00

A Black Friday acontece oficialmente nesta sexta-feira (23). E, quando se trata da mega liquidação, a principal dica de especialistas é acompanhar os preços antes da data para saber se a promoção realmente vale a pena ou se há alguma pegadinha.

Se você quer aproveitar o evento, mas deixou para pesquisar na última hora, pode contar com uma ajuda: alguns sites mostram um histórico de preço dos produtos nos últimos meses. Também é possível instalar um plug-in, adicionado ao seu navegador da internet (Chrome, Firefox, Safari, Internet Explorer etc.), que promete mostrar quanto o produto custava meses antes. Veja abaixo uma lista de opções.

Leia também:

Baixou

No site Baixou, o consumidor consegue visualizar o histórico de preços dos produtos e comparar os valores com outras lojas. Também pode instalar um plug-in chamado Baixou Agora (disponível para Chrome e Firefox), que permite comparar o preço com outras lojas, mostra o histórico de preços do produto, testa automaticamente cupons de desconto e envia alertas de preços.

Black Friday de Verdade

O site Black Friday de Verdade reúne cerca de 50 lojas que se comprometeram a oferecer descontos reais e condições transparentes aos compradores na liquidação. O site tem o plug-in Black Friday de Verdade (disponível para Chrome) que faz a comparação de preços com as lojas participantes da ação. A ferramenta testa cupons de desconto automaticamente e mostra o histórico de preço.

Buscapé

O Buscapé criou um site de Black Friday. O consumidor pode comparar o preço de um produto com outras lojas e ter acesso ao histórico de valores. A comparação também pode ser feita por aplicativo de celular, disponível para os sistemas Android  e iOS. O site destacará com um selo da Black Friday os melhores preços e o cliente poderá criar um alerta e ser avisado quando um produto atingir o preço desejado. 

JáCotei

No site JáCotei é possível comparar os preços com outras lojas, identificar se o desconto é verdadeiro com o selo "Desconto Real" e receber um aviso quando o produto atingir o preço desejado. Também é possível ver o histórico de preços. O site oferece ainda um plug-in para o navegador Chrome e aplicativos para Android e iOS, que permitem comparar os preços na hora da compra.

Precifica

No site da Black Friday da Precifica é possível ver o histórico de preços (diário, semanal e mensal). Para isso, é preciso acessar a aba "produtos" e colocar o nome do item na lupa de busca. Dá para ver também se, em geral, os sites aumentaram ou reduziram os preços por dia, semana ou mês.

Proteste

A entidade de defesa do consumidor Proteste tem o plug-in Mais Barato Proteste. Toda vez que o consumidor pesquisar por um produto, o plug-in avisará em quais sites o preço está melhor e mostrará um gráfico com o histórico de valores. O consumidor também pode criar um alerta de preço. A ferramenta testa cupons de descontos automaticamente.

Zoom

O Zoom mostra o histórico de preços dos produtos nos últimos seis meses. A pesquisa pode ser feita pelo site ou aplicativo de celular. O site disponibilizará uma equipe de especialistas para que o consumidor tire dúvidas sobre os produtos que quer comprar.

Também identificará, por meio do selo Black Friday, os descontos mais expressivos, e promete ter um identificador de filas, mostrando a intensidade do tráfego nas principais lojas (livre, moderado ou intenso). O consumidor pode cadastrar o produto e o valor que pretende pagar para receber um alerta quando esse preço for atingido. Há também o filtro por necessidade, quando o consumidor informa as características do produto que quer, e o site mostra quais as opções disponíveis.

Como evitar 7 erros na Black Friday

UOL Notícias

Black Friday