IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Todos a Bordo


Virgin Atlantic estreia A350-1000 com lounge na executiva e janelas maiores

Equipe comemora a entrega do primeiro A350-1000 à Virgin Atlantic, batizado de Red Velvet - Divulgação/Virgin Atlantic
Equipe comemora a entrega do primeiro A350-1000 à Virgin Atlantic, batizado de Red Velvet Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

Alexandre Saconi

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/09/2019 04h00

Resumo da notícia

  • O Red Velvet é o primeiro A350-1000 a ser entregue à Virgin Atlantic, com 335 assentos
  • A rota inicial será entre Londres e Nova York, uma das mais rentáveis da empresa
  • Chegada do Red Velvet marca a estreia da nova classe executiva da companhia, que terá um lounge para os passageiros

A companhia britânica Virgin Atlantic começou nesta semana a operar seu primeiro A350-1000, batizado de Red Velvet (Veludo Vermelho), na rota entre Londres (Reino Unido) e Nova York (EUA). A empresa terá voos entre Brasil e Inglaterra a partir de março de 2020, mas não informou se pretende usar este modelo na nova rota.

Na classe executiva, o avião conta com lounge, poltronas viradas para a janela e divisórias altas, que dão mais privacidade aos passageiros. O A350-1000 também tem janelas cerca de 8% maiores que os modelos A330 e A340, mais espaço para malas nos bagageiros e cabine mais silenciosa, devido a mudanças nos motores e no sistema de ar-condicionado. Veja abaixo algumas imagens do Red Velvet:

A classe executiva tem um lounge, batizado de The Loft, onde os passageiros podem conversar, beber ou fazer reuniões - Divulgação/Virgin Atlantic
A classe executiva tem um lounge, batizado de The Loft, onde os passageiros podem conversar, beber ou fazer reuniões
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

As poltronas da classe executiva são voltadas para as janelas e contornadas por divisórias altas, que dão mais privacidade aos passageiros - Divulgação/Virgin Atlantic
As poltronas da classe executiva são voltadas para as janelas e contornadas por divisórias altas, que dão mais privacidade aos passageiros
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

As telas de entretenimento da executiva têm 18,5 polegadas e são touch screen. Cada assento tem tomadas elétricas e duas conexões USB - Divulgação/Virgin Atlantic
As telas de entretenimento da executiva têm 18,5 polegadas e são touch screen. Cada assento tem tomadas elétricas e duas conexões USB
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

O espaço para as pernas na classe premium é maior que em outros aviões da empresa - Divulgação/Virgin Atlantic
O espaço para as pernas na classe premium é maior que em outros aviões da empresa
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

As mesas da classe premium são dobráveis, e as telas são de 13,3 polegadas - Divulgação/Virgin Atlantic
As mesas da classe premium são dobráveis, e as telas são de 13,3 polegadas
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

Os assentos da classe econômica têm apoio de cabeça ajustável - Divulgação/Virgin Atlantic
Os assentos da classe econômica têm apoio de cabeça ajustável
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

Na classe econômica, as telas de entretenimento têm 11,6 polegadas e os assentos vêm com portas USB - Divulgação/Virgin Atlantic
Na classe econômica, as telas de entretenimento têm 11,6 polegadas e os assentos vêm com portas USB
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

O A350-1000 batizado de Red Velvet será usado na rota entre Londres (Inglaterra) e Nova York (EUA) - Divulgação/Virgin Atlantic
O A350-1000 batizado de Red Velvet será usado na rota entre Londres (Inglaterra) e Nova York (EUA)
Imagem: Divulgação/Virgin Atlantic

Modelo substituirá o Boeing 747-400

O avião irá substituir aos poucos a presença do jumbo Boeing 747-400 na frota da empresa. No total, foram encomendadas 12 unidades do A350-1000, com previsão de entrega até o final de 2021.

Com prefixo G-VLUX, o novo avião da Virgin Atlantic tem capacidade para 335 passageiros, divididos entre as classes executiva (44 assentos), premium (56 assentos) e econômica (235 assentos).

Outras unidades devem ser entregues com capacidade para até 410 passageiros, com menos assentos nas classes executiva e premium e mais lugares na econômica.

Com telefone, wi-fi e projetores, avião executivo é extensão do escritório

UOL Notícias

Mais Todos a Bordo