PUBLICIDADE
IPCA
0,21 Jan.2020
Topo

Grupo Pão de Açúcar tira própria cerveja de lojas por alteração no sabor

iStock
Imagem: iStock

Do UOL, em São Paulo

21/01/2020 15h06Atualizada em 21/01/2020 15h46

O Grupo Pão de Açúcar informou hoje que recolheu de suas lojas alguns lotes de sua marca própria de cervejas artesanais, a Fábrica 1959, por causa de uma alteração no sabor. Segundo a empresa, testes sensoriais feitos em alguns rótulos de lotes específicos dos tipos Pilsen e Weiss revelaram a cerveja mais amarga que o normal.

O caso não tem relação com a retirada do mercado dos rótulos produzidos pela cervejaria Backer, em Minas Gerais, cujas investigações apontam para uma contaminação que matou ao menos quatro pessoas.

O Grupo Pão de Açúcar informou que o fornecedor foi acionado e, após concluir as análises, identificou alterações sensoriais no lote 1 do estilo Pilsen e nos lotes 1 e 2 do estilo Weiss decorrente da incorporação maior de oxigênio durante o envase.

"Tal característica não traz qualquer risco à saúde do consumidor e os ajustes necessários já foram realizados para que fatos como esse não ocorram novamente", disse a empresa. "Mesmo assim, a marca optou por descartar os lotes citados a fim de garantir a melhor experiência aos seus clientes. Nada foi constatado nos demais lotes e estilos da Fábrica 1959."

A empresa afirmou que os consumidores que compraram cervejas dos lotes recolhidos (1 do estilo Pilsen e 1 e 2 do estilo Weiss) poderão fazer a troca ou pedir o reembolso na loja onde fizeram a compra.

Em caso de dúvidas, os consumidores podem entrar em contato com a empresa por meio do telefone 0800-15-2134.

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Economia