PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Gol cede passagens gratuitas a profissionais de saúde no combate à covid-19

Avião da Gol decola no aeroporto de Congonhas, em São Paulo - Antônio Gaudério/Folhapress
Avião da Gol decola no aeroporto de Congonhas, em São Paulo Imagem: Antônio Gaudério/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

20/03/2020 12h53

Depois de anunciar um corte de salários e jornadas de seus funcionários em 35%, a Gol informou que disponibilizará, a partir de segunda-feira (23), passagens aéreas com o pagamento apenas da taxa de embarque para profissionais da área da saúde em combate à covid-19.

Estão inclusos na lista da companhia aérea médicos, enfermeiros, psicólogos e nutricionistas de todo o país que precisam se deslocar pelo Brasil para prestar atendimento aos portadores da doença causada pelo novo coronavírus. Para isso, será necessária a apresentação da carteirinha de credenciamento profissional validada pelo conselho regional competente e uma carta que comprove o motivo da viagem.

Os profissionais citados podem se apresentar nas lojas Gol nos aeroportos, com duas ou três horas de antecedência aos voos, para viabilizar o deslocamento até a localidade demandada. A companhia informou, porém, que o embarque estará sujeito à disponibilidade de assentos nos trechos.

"Poucas vezes se vê um posicionamento profissional que possa ser mais humano. Um tipo de contato que extrapola o social e se aproxima do humanitário, indispensável para resguardar o bem mais valioso: a vida. E, em tempos difíceis, a solidarização ao outro não deve surgir apenas das ações dos órgãos governamentais, mas também da iniciativa privada", informou a Gol em comunicado oficial.

O Ministério da Saúde atualizou, ontem, para 621 o número de infectados pela covid-19 no Brasil. No novo balanço, também subiu o número de estados com transmissão comunitária, quando não há a possibilidade de saber a origem da contaminação.