PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Doria suspende corte de gás para residências, comércios e hospitais

O governador João Doria durante coletiva de imprensa sobre o coronavírus - JOÃO ALVAREZ/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
O governador João Doria durante coletiva de imprensa sobre o coronavírus Imagem: JOÃO ALVAREZ/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

23/03/2020 14h56

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou hoje via Twitter que ele suspendeu o corte no fornecimento de gás para residências, pequenos comércios e hospitais até o dia 31 de maio.

"Acordamos com a Comgás a suspensão no corte de fornecimento de gás de consumidores residenciais, pequenos comércios, hospitais e unidades de saúde até o dia 31 de maio. As indústrias também serão isentadas de multas se não atingirem o consumo mínimo obrigatório", escreveu Doria.

"Pedimos e fomos atendidos pela Comgás, que compreendeu a importância deste momento, suspendendo multas para indústrias que não consumirem o mínimo previsto em contrato. Evidentemente, há uma demanda menor, mas não haverá multa para estas empresas", afirmou Doria durate coletiva.

O governador ainda declaro que as fábricas de todos os setores e a construção civil devem seguir operando no Estado.

"Nós não podemos ter um blackout, uma paralisação, do setor de construção civil, e nem mesmo em obras de hospitais, de prontos-socorros, obras públicas e rodovias e ferrovias, metrô, obras que estão em curso e que atendem à necessidade da população", afirmou Doria em entrevista coletiva.