PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Bilionário antes dos 40? Ao menos 9 jovens ricaços estão na lista da Forbes

Pedro de Godoy Bueno é o caçula entre os bilionários brasileiros - Patricia Stavis/Folhapress
Pedro de Godoy Bueno é o caçula entre os bilionários brasileiros Imagem: Patricia Stavis/Folhapress

Claudia Varella

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/09/2020 04h00

Já sonhou em ficar rico antes dos 40 anos? E, quem sabe, bilionário? No ranking dos 238 brasileiros bilionários da revista Forbes de 2020 estão ao menos nove jovens empresários com menos de 40 anos e fortuna já na casa do bilhão —alguns bilionários não tiveram sua idade revelada.

O caçula entre os bilionários é, segundo a revista, Pedro de Godoy Bueno (53º lugar, R$ 8,50 bilhões), com 29 anos de idade. Ele é presidente do grupo Dasa (Diagnósticos da América) desde 2015, quando a empresa foi comprada por seu pai, Edson de Godoy Bueno, e a ex-mulher dele, Dulce Pugliese.

Pedro e sua meia-irmã, Camilla (filha de Dulce), de 41 anos, figuram entre os grandes acionistas da Dasa após a morte de Edson, em 2017. Junto a Dulce, eles também dividem uma fatia acionária da Amil, comprada em 2012 pela United Health por US$ 4,9 bilhões.

Jovem mais bem colocado é cofundador do Facebook

Aos 37 anos, Eduardo Luiz Saverin tem patrimônio estimado em R$ 68,12 bilhões e ocupa a 3ª posição no ranking da Forbes. Ele é um dos cofundadores do Facebook.

De acordo com a revista, sua fortuna subiu 61% este ano, sendo um dos motivos a sua participação em outras empresas. Morando em Singapura, Saverin mantém a B Capital, empresa de investimentos focada em startups e com atuação concentrada principalmente na Ásia e nos EUA.

Em agosto, o bilionário fez, diz a Forbes, seu primeiro investimento na América Latina: US$ 15 milhões na Yalochat, startup mexicana que desenvolve inteligência artificial para atendimento a clientes.

3 jovens bilionários vêm do setor financeiro

Entre os mais jovens da lista, há três bilionários que vêm do segmento "financeiro e investimento". Um deles é André Street (36º, R$ 10,3 bilhões), de 36 anos, fundador e presidente do conselho de administração do conglomerado StoneCo —fintech fundada por ele e pelo sócio Eduardo Pontes, em 2012.

Outro jovem bilionário é Carlos Alberto Ferreira Filho (212º, R$ 1,33 bilhão), de 39 anos. Ele entrou para a XP Investimento em 2008, diz a Forbes, e hoje tem a terceira maior fatia acionária entre os sócios.

A XP também fez outro jovem ser bilionário: Gabriel Leal (234º, R$ 1,02 bilhão) tem 39 anos e começou a trabalhar na empresa como gerente da XP Educacional, em 2006, de acordo com a revista. Leal se tornou sócio-diretor e tem a quinta maior participação individual da companhia.

Veja outros jovens bilionários do ranking:

  • Franco Bittar Garcia (27º, R$ 11,48 bilhões, do varejo), 36 anos: é herdeiro das ações do casal Wagner e Maria Trajano Garcia, participantes da fundação do Magazine Luiza.
  • Gilberto Schincariol Júnior (155º, R$ 2,4 bilhões, do setor de bebidas), 36 anos: é um dos herdeiros da cervejaria Schincariol, que foi vendida para a japonesa Kirin, em 2011.
  • Ana Luiza Campos Garfinkel (217º, R$ 1,25 bilhão, de seguros), 39 anos: ela e os irmãos Bruno e Cleusa herdaram fatias idênticas da Porto Seguro. Segundo a Forbes, Bruno substituiu o pai, Jayme Garfinkel, na presidência do conselho de administração da empresa, que também tem uma cadeira ocupada por Ana.
  • Fabrício Mitre (235º, R$ 1 bilhão, do mercado imobiliário): 36 anos: é CEO e acionista da construtora Mitre Realty, que tem portfólio focado nos segmentos de média e alta renda em São Paulo.