PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Zema anuncia medidas para apoiar mais pobres e empresas durante Onda Roxa

Governador de Minas Gerais fez anúncio no Twitter - Uarlen Valério / Estadão Conteúdo
Governador de Minas Gerais fez anúncio no Twitter Imagem: Uarlen Valério / Estadão Conteúdo

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte

18/03/2021 20h33

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), anunciou hoje que o fornecimento de água e luz não poderá ser cortado por falta de pagamento no caso de consumidores da tarifa social e microempresas. Essa e outras medidas visam apoiar os mais pobres e os empresários durante o período da Onda Roxa. Nessa fase, os municípios passam por fechamento do comércio não essencial e restrição de circulação.

"Cemig e Copasa não vão cortar a luz e a água dos consumidores da tarifa social. Para essas pessoas, o atraso nos pagamentos não vai gerar juros. Para as microempresas afetadas, a Cemig e Copasa vai parcelar os débitos, sem juros.", afirmou em postagem no Twitter.

Já para apoiar os empresários, o governo encaminhou para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) uma proposta que garante descontos de até 90% nos juros e multas de dívidas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para aqueles que aderirem ao Programa de Recuperação Fiscal (Refis). Nesses casos, o parcelamento poderá ser feito em até 84 vezes. O governador reforçou que o BDMG segue com oferta de crédito para vários setores e que, somente durante a pandemia, foram liberados quase R$ 1 bilhão para as micro e pequenas empresas.

Além disso, Zema prometeu antecipar o pagamento de duas parcelas do acordo feito entre o Estado e a Associação Mineira dos Municípios (AMM), totalizando mais de R$ 380 milhões. O acordo, conforme ele, viabilizou o pagamento da dívida de R$ 7 bilhões herdada da gestão anterior aos 853 municípios mineiros.

Por fim, o governador disse que a Onda Roxa é uma medida dura, mas essencial para salvar vidas, e afirmou que o Governo de Minas "está fazendo tudo ao seu alcance para ajudar as pessoas a atravessar esse momento difícil".