PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Investimento direto no país supera expectativa e soma US$ 9 bi em fevereiro

Nos últimos 12 meses, o IDP acumula US$ 39,778 bilhões (2,75% do PIB brasileiro) - Nelson_A_Ishikawa/royalty free/Getty Images
Nos últimos 12 meses, o IDP acumula US$ 39,778 bilhões (2,75% do PIB brasileiro) Imagem: Nelson_A_Ishikawa/royalty free/Getty Images

Do UOL, em São Paulo*

26/03/2021 09h47Atualizada em 26/03/2021 11h44

Os investimentos estrangeiros diretos no país (IDP) somaram US$ 9,007 bilhões em fevereiro, informou hoje o Banco Central. O resultado veio acima da expectativa no mercado, que era de US$ 6,1 bilhões. No mesmo mês do ano passado, o indicador ficou em US$ 2,580 bilhões.

Em janeiro, os investimentos diretos haviam somado US$ 1,838 bilhão. Nos últimos 12 meses, o IDP acumula US$ 39,778 bilhões (2,75% do PIB, Produto Interno Bruto), bem abaixo do acumulado no mesmo período até fevereiro de 2020 (US$ 64,998 bilhões, ou 3,57% do PIB).

Para o mês de março, o BC projetou um IDP de US$ 7 bilhões. Já os investimentos diretos no exterior (IDE) apresentaram aplicações líquidas de US$ 1,7 bilhão em fevereiro. No acumulado em 12 meses, o IDE totalizou regressos líquidos (desinvestimentos) de US$ 14,6 bilhões.

Investimento em ações

Ainda de acordo com o BC, o investimento estrangeiro em ações brasileiras ficou positivo em US$ 570 milhões em fevereiro. Em igual mês do ano passado, o resultado havia sido negativo em US$ 4,428 bilhões.

No acumulado do ano até fevereiro, o saldo ficou positivo em US$ 5,228 bilhões.

Já o investimento líquido em fundos de investimentos no Brasil ficou positivo em US$ 251 milhões em fevereiro. No mesmo mês do ano passado, ele havia sido negativo em US$ 112 milhões. No acumulado do ano até fevereiro, os fundos registram entradas líquidas de US$ 243 milhões.

O saldo de investimento estrangeiro em títulos de renda fixa negociados no país ficou positivo em US$ 2,765 bilhões em fevereiro. No mesmo mês do ano passado, havia ficado positivo em US$ 1,137 bilhão. No ano, o saldo em renda fixa ficou negativo em US$ 4,312 bilhões.

Gastos de brasileiros no exterior caem

Os gastos de brasileiros em viagens ao exterior somaram US$ 240 milhões em fevereiro, o que representa queda em relação ao mesmo mês do ano passado (US$ 881 milhões).

Na comparação com janeiro deste ano também houve queda (US$ 308 milhões).

Os gastos no exterior têm sido duramente impactados pelo agravamento da pandemia no país. Diversos países, incluindo Argentina e Espanha, suspenderam voos com origem ou destino no Brasil por receio da variante brasileira do coronavírus.

*Com informações de Reuters e Estadão Conteúdo

PUBLICIDADE