PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Preço alto e escassez fazem pizzaria suspender sabores com filé mignon

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Luciana Cavalcante

Colaboração para o UOL, em Belém

06/12/2021 17h35

Uma rede de pizzarias de Belém decidiu tirar do cardápio sabores de pizza com filé mignon, por causa dos preços altos e da dificuldade de encontrar os cortes bovinos no mercado.

Foram retiradas as pizzas de filé com catupiry, churrasquinho, filé acebolado, filé com bacon e strogonoff de filé. Sem os sabores, o dono da rede pode até reduzir o preço do rodízio, de R$ 44 para R$ 42 por pessoa.

Segundo o dono da Forno Expresso, José Júnior Maciel, é comum a escassez do produto e a alta de preços no final do ano, mas o problema chegou mais cedo em 2021.

"Normalmente, fica difícil conseguir filé no final do ano, por causa das festas, mas isso acontecia mais para dezembro. Este ano foi mais cedo, no início de novembro, junto com a alta de preços. Então nossa decisão foi para deixar a situação transparente para o nosso cliente. Achamos melhor retirar do que ficar naquilo de 'hoje tem, amanhã não tem'", diz.

O empresário afirma que o preço do filé mignon sofreu uma escalada com a pandemia. Mesmo assim, ele diz não ter repassado os aumentos para os clientes. "Antes da pandemia, eu comprava a R$ 27 o quilo, e aí foi subindo. No ano passado, deu uma estagnada em R$ 35. Começou o ano com R$ 42 e, em outubro, já estava R$ 55. Fomos absorvendo tudo isso. Quando chegou perto dos R$ 70, em novembro, a gente resolveu tirar [do cardápio]".

A pizzaria tem três endereços em Belém e trabalha tanto com rodízio, como com pratos à la carte. Os sabores com filé mignon não são mais servidos em nenhuma das duas opções.

O cardápio do rodízio tem 20 sabores. Para manter a quantidade, a casa incluiu outros sabores de pizza, como toscana, com calabresa, atum, caipira, de frango, e vegetariana, de legumes.

PUBLICIDADE