PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Brasileiro quer comprar roupa e sapato em ofertas de fim de ano, diz Google

Mais roupas, menos eletrodomésticos: pesquisa indica mudança de comportamento do consumidor brasileiro no fim de ano - iStock/Getty Images
Mais roupas, menos eletrodomésticos: pesquisa indica mudança de comportamento do consumidor brasileiro no fim de ano Imagem: iStock/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

28/12/2021 14h07

O consumidor brasileiro tem mudado a preferência de compras em promoções de fim de ano em 2021. Uma pesquisa feita pelo Google Survey com 800 pessoas revelou que 37% dos entrevistados afirmam ter interesse em adquirir itens de moda. Em edições anteriores, os eletrodomésticos estavam no topo das intenções.

Além de comprar roupas e calçados, o brasileiro tem buscado produtos nas seguintes categorias: eletrônicos (33%), beleza e perfumaria (23%), móveis e decoração (22%) e eletroportáteis (15%). Os eletrodomésticos, que lideraram outros levantamentos, aparecem em penúltimo, com 21%.

De acordo com a pesquisa, 20% dos entrevistados planejam comprar nas liquidações de final de ano, enquanto 35% consideram a possibilidade de comprar. Entre os consumidores que pretendem ir às compras, mais da metade (55%) faz pesquisa e acompanhamento de preço com antecedência.

Já 27% declaram que parte das compras são planejadas e outras são feitas por impulso, e 13% dos consumidores disseram que as compras são feitas por impulso e geradas a partir da descoberta de bons descontos.

O Google Survey indica que 31% dos respondentes acreditam que vão encontrar preços imperdíveis neste fim de ano. Outros 23% querem aproveitar a oportunidade perdida na Black Friday; 22% ainda não encontraram boas ofertas para os produtos colocados na lista, 22% costumam comprar nessa época e 19% afirmam ter conseguido juntar dinheiro de bônus de fim de ano e 13º salário.

Onde comprar

A pesquisa também mostra que o brasileiro está disposto a sair de casa para fazer compras. Um total de 30% têm intenção de ir a lojas físicas e acessar sites e aplicativos, 19% pretendem comprar só em unidades físicas e, por fim, 17% desejam consumir apenas no ambiente virtual.

PUBLICIDADE